Ventilador, Ar-Condicionado ou Climatizador?

O verão chegou em Curitiba e eu comecei a sofrer as consequências dele na minha casa. Ela é super iluminada e bate sol o dia todo, o que foi ótimo no inverno. Porém no verão, ela fica quente demais.
Comecei a pesquisar o que valia mais a pena comprar, ventilador, ar-condicionado ou climatizador.
Vou resumir o que eu aprendi nessa busca:

comparacao

Ventilador
É o mais barato, porém o menos eficiente. Principalmente na minha casa em que o problema é o sol que deixa o ambiente quente e seco demais. O bom é que o ventilador não consome muita energia, é fácil de instalar, de carregar pra lá e pra cá, tem lá seus benefícios com certeza.

Ar-Condicionado
Das 3 opções é a mais eficiente quanto a deixar o ambiente mais agradável pra se viver, porém é o que tem mais complicações. É mais complicado pra instalar, mais caro, gasta mais energia e também pode acarretar problemas de saúde. Mas ahhhh deixa o ambiente tão perfeito né?

Climatizador
É a evolução do ventilador. Umifica o ambiente e ajuda a baixar a temperatura mais que o ventilador. É ecologicamente correto. Não consome muita energia e é melhor para quem problemas respiratórios.

Apesar de tirar todas essas conclusões ainda não decidi qual deles comprar, mas to mais para o climatizador. Alguém já usou e pode me dizer se é bom mesmo? 🙂

Veja também outros posts

6 Comentários

  1. Ar condicionado portátil tbm é uma boa, em média R$ 1.500,00, barulho um pouco mais alto q o ar normal mas nada q incomode. Refresca o ambiente legal e tbm tem a versatilidade de levar pra qualquer ambiente q tenha uma janela.

    1. Jéssyka! Obrigada pela dica! Eu to pensando mesmo como vai ser o verão aqui, geralmente não é dos maisss quentes, mas nos últimos dias já tem feito um calor bem maior que o normal. Veremos. hehe :*

  2. Nunca senti falta de ar-condicionado aqui! Tenho um ventilador faz anos, que veio comigo de Londrina, e quebra o galho… como sou naturalmente friorenta e minha casa não chega a ficar muito quente, nem quebro a cabeça pensando nisso. Em Londrina cheguei a morar num flat que tinha ar-condicionado e nem usava tbm.

    Em Brusque, onde faz muito muito muito calor e é abafado x10, meus pais tem ar-condicionado quase na casa inteira. Aqui eu não sinto falta, mas lá no verão parece que vou morrer fora do ar-condicionado, rs. Daí uns dois anos atrás, quando tava passando minhas férias lá, o antigo que ficava no meu quarto (o único que ainda não tinha sido atualizado pra split), morreu e eu fiquei vivendo num forno, só com o ventilador de teto (na época ainda não tinha ar-condicionado na sala como tem hoje, rs).

    No desespero, sem achar um lugar que instalasse e tivesse pra vender split em pleno calorão, meu pai comprou um desses ar-condicionados portáteis pro meu quarto. Não vale a pena, pelo menos em Brusque não dava conta, ficava funcionando 24h/dia, ou seja, gastava MUITA energia, além de ser super barulhento… no fim das contas minha mãe vendeu pra uma loja de móveis usados e instalou um split mesmo, assim que aquele verão acabou.

    Se você sofre com o calor, vale a pena pensar em ter um ar-condicionado mesmo, tipo split, mas a instalação é bem chata e não é nem um pouco portátil. Nunca usei esses climatizadores… mas se vocês está pensando em ter um vale se antecipar ao calor já que geralmente falta estoque nas lojas, rs! 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *