Desanimo, INCC e financiamento.

Semana passada foi bem difícil em vários sentidos, nada deu certo, e eu desanimei muito do apartamento. Acontece que, meu financiamento está rolando faz 3 meses, toda hora aparece um problema diferente. Como eu estou fazendo o financiamento com meu marido, precisamos apresentar o dobro de documentos, ou seja, o dobro de trabalho pra organizar tudo, principalmente porque nem tudo depende da gente! Bom, a pior parte dessa história, é que cada vez que o mês vira, eu pago INCC (um juros que é pago para a construtora sobre o valor do imóvel), essa taxa é prevista no contrato de compra e venda, e não tem choro que faça a construtora mudar de ideia. Foi justamente por causa do INCC que eu desanimei, os meses de Junho e Julho, são os que mais tem porcentagem de juros, o meu deu em torno de 3%, um aumento de quase R$10.000,00 em cima do meu apartamento. Acontece que, eu não sou rica, não casei com um rico, nem tenho pais ricos, eu sou pobre e tenho que suar bastante pra conseguir 10 mil, ou seja, não tenho dinheiro pra dar mais, eu guardei um dinheirinho pra fazer algumas coisas no apê, mas isso não resolvia o problema, então passei a semana passada inteira conversando com a mulher responsável pela venda, pra ver o que ela podia fazer pra melhorar o preço, e depois de uma longa e estressante semana, ela conseguiu reduzir o valor da multa. Eu fiquei feliz e triste, triste por gastar o dinheirinho da reforma com o INCC e feliz por ter de volta um lugarzinho pra chamar de meu. Esse texto longo é pra mostrar que coisas ruins acontecem pra todos, e paciência e persistência são necessárias nessa hora.

Continue Lendo